Redes Sociais
Categorias
Membros

Anzol

Quero fazer da sina um anzol,

Um anzol daqueles bem finos,

Sem aparatos ou coisas do tipo, apenas a essência,

Um pesque-pague no lago da vida,

E caso não goste do peixe destino, devolvo, e pesco outro,

Tô nem aí.

Guimarães. 



A Droga

Flecha rubra

Em dopamina

Infestada de

Adrenalina

Expôs-me com furor

Ao ópio chamado amor

Casmurro



Eu te odeio com uma força incrível,
mas consigo me odiar ainda mais.
Me odeio muito por ainda te amar.
Digo ainda porque, meu bem, eu vou parar.
Ô se vou.
Ta próximo do fim.
O fim.
É tudo que eu mais quero.
Quero meu fim junto com o teu
O fim
É, eu ainda tô a fim de você
Até o fim



[ insensatez ~

"Esses olhos escuros como madeira polida
refletindo as dúvidas indecifráveis e sentidas
contemplados e apreciados por fim,
por tantos outros olhares; por mim.

O teu cobre externo ofusca
as minhas verdades, a minha vontade.
Só pretendo acabar com a busca
que no fim dar-me-á liberdade.

A graça é que me perco no seu sorriso
que propaga o encanto, simples e belo
Me faz esquecer as palavras sentidas
e desperta meu riso; um apreço sincero.
Tudo se faz claro diante dessa utopia
pois se palavras faladas pudessem expressar,
de que serviria a poesia?

Ainda que no fim do outono,
me brotam sementes de insensatez.
Você vem e tira meu sono, ultimamente
me faltam palavras para explicar-lhe, infelizmente;
o bem que me faz o contato com a sua tez.”

R.



Paradoxo

Bem , esse é meu pequeno fragmento , eu queria muito que vocês publicassem no Facebook  . Estou mandando por aqui , pois não achei uma forma de mandar direto pra vocês lá . Bem , coloquem como L. Ret  , obrigado por criarem um espaço para essa arte  . Ela é muito importante para nossas vidas . 

                                                   º 

Toda vez que eu entro em seus olhos através de uma foto eu viajo em um sentimento de pureza que torna tudo o que eu sinto em algo que deveria existir . O Que torna do mundo algo tão irreal ? Talvez seja a realidade que nos confunde e nos entristece pelo simples fato de ser tão real quanto um sonho utópico. Parece que quando eu fecho os olhos eu consigo te tocar e quando eu te toco  me perco em tudo que não existe e existe ao mesmo tempo … A Vida é um paradoxo diário e  não gosto de coisas banais , porém eu gosto de saber que eu posso te sentir de algum modo.



De Yegamino.
Música por exes alt, “Break Off Relations” (http://www.soundclick.com/bands/defau…).

Com luvas na mão se escreve a fórmula do mundo.

Bata branca, assepsia, num laboratório de números e frascos,
Números vazios e frascos; números vazios e frascos vazios.

Com luvas na mão se escreve que a vida cabe numa equação.
Fazer reagir o A com o B, meter muito A para que se não limite o B,
Para que surja muito C nos frascos, frascos vazios,
Frascos vazios numerados; frascos vazios e números vazios.

Com luvas na mão se condensa a química do Universo numa linha.
Hidrogénio, hélio, reagente, inerte, quente, frio, humano, esquisito.
Óculos de protecção contra a radiação dos frascos,
Frascos vazios com números; números vazios em frascos vazios.

Nós somos o vazio nos frascos, o vazio em frascos vazios
E o vazio é sempre igual.

Nós somos o vazio.
Somos o vazio.
O vazio.
Vazio.
.



deus-e-poeta:

Butterfly girl (by Rubo Stars & Lore Stars).


Sempre quis atingir através da palavra alguma coisa que fosse ao mesmo tempo sem moeda e que fosse e transmitisse tranqüilidade ou simplesmente a verdade mais profunda existente no ser humano e nas coisas. Cada vez mais eu escrevo com menos palavras. Meu livro melhor acontecerá quando eu de todo não escrever. Eu tenho uma falta de assunto essencial. Todo homem tem sina obscura de pensamento que pode ser o de um crepúsculo e pode ser uma aurora.
— Clarice Lispector | A escrita.  (via terminologias)


A gente não quer só p o e s i a.
A gente quer o trovador e o frio na barriga.
— Anthonieta Gierli: sobre algumas mulheres, as de alma florida, talvez. (via terminologias)


Quando me faltarem palavras, minhas lágrimas serão a minha oração. Porque mesmo que a minha boca se cale e palavra alguma seja dita, no silêncio das noites frias o meu coração clamará por Sua presença.
Laureane Antunes  


Quem tiver instagram:

silentzeppelin:

SIGAM: @murfleur e manda por direct

Bom, dei uma mudada no meu instagram e quero que me mandem fotos (bem tiradas rs) estarei escrevendo de acordo com elas e postando no 946-poesia



malabaristas:

ESCREVER:

escape da alma.
[Nounouse]
FELIZ DIA DO ESCRITOR À TODOS!


Nossa vida é uma mistura de riso e choro.
Ariano Suassuna